Corredor Dom Pedro tem movimento 9,6% acima do previsto durante o feriado

A Concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração do Corredor Dom Pedro de rodovias, registrou movimento intenso em quatro dias de Operação Especial por conta do feriado de 7 de setembro. O volume de tráfego foi 9,6% acima do previsto, com a passagem de 654.915 veículos.

O movimento foi registrado entre a 0h de quinta-feira (6) e o fim da noite de domingo (9). No mesmo período, foram contabilizados 22 acidentes, com oito feridos e uma morte. O acidente fatal foi registrado na madrugada de domingo, na rodovia Romildo Prado (SP-063), em Louveira.

A rodovia D. Pedro I (SP-065), utilizada pelos motoristas da Região Metropolitana de Campinas (RMC) no trajeto para as praias do Litoral Norte, teve tráfego intenso no fim de tarde de quinta-feira e na manhã de sexta, na saída para o feriado, e também na tarde de domingo, no retorno. Pela rodovia, circularam pouco mais de 454 mil veículos nos quatros dias.

“Este é um feriado que já tem a característica de ser próximo à data de pagamento dos salários, o que favorece o trânsito mais intenso. A elevação da temperatura, já na tarde de quinta-feira, também contribuiu para o aumento do tráfego”, explica o coordenador de Tráfego da Rota das Bandeiras, Murilo Perez.

Todo o movimento nas rodovias teve supervisão da Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo). Pela rodovia Prof. Zeferino Vaz (SP-332), circularam 96 mil veículos. Na região de Jundiaí, a Eng. Constâncio Cintra (SP-360) teve a passagem de 86 mil usuários, enquanto a Romildo Prado (SP-063) registrou a passagem de 18 mil veículos.


Informação: Assessoria de Imprensa da Concessionária Rota das Bandeiras
Crédito da foto: UOL