Alegria Alegria

Das 08:00:00 às 10:00:00
Com: Mané Roberto

Debate terá como tema o programa Acessuas da Apami

O Debate da CRN, desta quinta-feira, dia 7, terá como tema o Acessuas (Programa de Promoção de Acesso ao Mundo do Trabalho) da Apami – Convívio Social e Aprendizagem. Para falar sobre o assunto foram convidados os representantes da Apami: Manuel Fernandes (presidente) e Araê Souza (psicólogo e coordenador técnico).

Não perca o Programa Debate. Apresentação do jornalista Mané Roberto e dos colaboradores Gilmar Kozlowski e Eduardo Cintra. As perguntas podem ser enviadas pelo e-mail crnitatiba@terra.com.br ou por telefone (11) 4524-0003 e 4524-1594 no horário do programa.

Debate nesta quinta-feira, das 16h às 17h30. Acompanhe este programa pelos 1.420 KHz-AM, através do site: www.crnitatiba.com.br e pelo aplicativo app (CRN- Central de Rádio e Notícias).

Biometria

O primeiro programa Debate ao vivo de 2019, exibido na quinta-feira, dia 31, teve a presença do chefe do Cartório da 58ª Zona Eleitoral da Comarca de Itatiba, Antonio Carlos de Lima. Ele falou a respeito do cadastramento da Biometria.

Assim como outros cartórios eleitorais do Estado de São Paulo, o da 58ª Zona Eleitoral da Comarca de Itatiba, localizado na unidade do Poucotempo, deu início ao período de cadastramento biométrico de eleitores. Os procedimentos poderão ser realizados até 19 de dezembro. Para conseguir se cadastrar o eleitor deverá agendar o atendimento através do site do TRE-SP (www.tre-jus.br), em seguida clicar em “Serviços ao Eleitor” e depois em “Agendar Atendimento”, ou se dirigir ao cartório para agendar a data para atendimento. O eleitor que não o fizer, terá o título cancelado. Quem já fez a Biometria, não precisa fazê-lo novamente.

Antonio Carlos respondeu as perguntas feitas pelos apresentadores e ouvintes da CRN, explicando como funciona a Biometria. “No momento do cadastro é tirada a foto do eleitor, colhida as impressões digitais e a assinatura digital. Estamos com esse processo desde 2015, quem já o fez não precisará procurar o cartório novamente. Nós temos até maio de 2022 para fazer todos os cadastros biométricos. Pode ser que esse prazo até seja antecipado pelo TRE-SP, por isso, pedimos que os eleitores não deixem para a última hora para procurar o cartório”, orienta Antonio Carlos.

Ele falou também sobre o funcionamento do e-Título, aplicativo móvel para obtenção da via digital do título de eleitor. “Depois que o eleitor fizer a Biometria, quatro dias após ele poderá baixar um aplicativo chamado de e-Título onde constará todos os seus dados com fotografia, podendo ser usado como um documento de identificação em qualquer lugar do Brasil. Se o eleitor não fizer a Biometria, ele poderá baixar o título, mas sem a foto”, disse Antonio Carlos.


Informação Redação Rádio CRN

Foto Reprodução