Pai é preso por suspeita das agressões que causaram a morte da filha de 2 meses de vida

Na noite de quarta-feira, dia 06, policiais militares foram até a Santa Casa de Itatiba onde uma criança deu entrada com várias lesões e que veio a óbito.

A criança de apenas dois meses de vida, apresentava sinais de tortura, como hematomas de mordidas, apertões e esganadura, além de algumas fraturas. Os Policiais Militares ao terem uma breve entrevista com M.J.S de 19 anos, pai da criança, obtiveram várias versões controversas.

Em seguida ele confessou que agredia a sua filha por ficar irritado com o choro da criança e também quando brigava com a mãe da criança, uma adolescente de 17 anos e que nunca foi denunciado por ela.

Diante dos fatos ele foi preso pelo homicídio e encaminhado ao plantão policial onde foi autuado em flagrante.

Aloisio Mathias, produtor do Jornal CRN esteve no Conselho Tutelar de Itatiba, conversando com os conselheiros tutelares Marcos Silvano e Raquel Gomes, ouvindo também o delegado de polícia, dr. Tiago Vieira Oliveira, que investiga o caso.


» Veja mais fotos