Programa Debate terá presença dos membros da diretoria da Santa Casa de Itatiba

O Programa Debate desta quinta-feira, dia 18, terá como tema a renovação de contrato entre a Santa Casa de Misericórdia de Itatiba e a Prefeitura de Itatiba.

Para falar sobre o assunto foram convidados os membros da diretoria da Santa Casa: Emerson Netto (provedor), Carlos Amaral (vice-provedor) e o dr. Lucas Zeponi (diretor-clínico).
Não perca o Programa Debate. Apresentação do jornalista Mané Roberto e do colaborador Gilmar Kozlowski. Perguntas podem ser enviadas pelo e-mail crnitatiba@terra.com.br ou por telefone (11) 4524-0003 e 4524-1594 no horário do programa.

Debate nesta quinta-feira, das 16h às 17h30. Acompanhe este programa pelos 1.420 KHz-AM, através do site: www.crnitatiba.com.br e pelo aplicativo app (CRN- Central de Rádio e Notícias).

Festa de São Pedro
No dia 11, o programa teve como tema a 23ª Festa de São Pedro realizada no Parque Luís Latorre, entre os dias 12 e 14 de julho. Para falar sobre o assunto, foram convidados: o secretário de Cultura e Turismo da Prefeitura, Washington Bortolossi e Marcos Lucena representante da AEASFI – Associação das Entidades Assistenciais, Sociais e Filantrópicas de Itatiba e Instituto Passo a Passo.

Shows
Organizada pela Prefeitura de Itatiba, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, a tradicional festa, contou com shows das duplas Guilherme & Benuto; Thaeme & Thiago e Renato Teixeira, além das atrações musicais de artistas locais.

Sobre as atrações musicais, Washington declarou: “Não é intenção da Secretaria de Cultura do município, voltar a trazer grandes shows como era feito no passado. No entanto, na medida do possível, se as finanças vão bem e a Prefeitura tiver valores disponíveis em caixa, com certeza podemos estudar a possibilidade de trazer outros shows para Itatiba. Mas não shows de valores exorbitantes, porque se formos gastar, por exemplo, R$ 200 mil com um único show, com esse valor nós pagamos a estrutura da festa inteira. Meu objetivo sempre foi o de valorizar o que Itatiba tem, dos artistas locais e obviamente das entidades sociais e filantrópicas”, disse Washington.

Gastronomia
Durante a festa, muita gente aproveitou as mais de cem opções no cardápio das barracas assistenciais para almoçar em família ao som dos artistas locais que se apresentaram no palco principal.

Sobre a questão de angariar voluntários para a festa, Marcos Lucena, disse: “O problema desses eventos é conseguir voluntários, ainda mais agora que é uma época de férias, então, a dificuldade acaba sendo um pouco maior. Em cada barraca, por dia, são necessários 30 voluntários, divididos em três turnos. A diversidade gastronômica das entidades é tanta, que é difícil não agradar o paladar de alguém. Esse evento, sem dúvida, é muito importante para nós, porque dá retorno. Essa arrecadação é que mantém o dia-a-dia das instituições. Muitas casas assistenciais são mantidas com esse recurso. Por isso, a festa é primordial”, declarou.


Informação: Redação Rádio CRN
Foto: Reprodução