A Voz do Brasil

Das 21:00:00 às 22:00:00
Com: produção da Rede EBC

FERIADO PROLONGADO: MORUNGABA PROÍBE ESTACIONAMENTO DE MOTOCICLETAS.

17/04/2020 as 10:44
Atraídos pelas paisagens e pelas curvas da estrada, centenas de motociclistas visitam a Estância Climática de Morungaba, principalmente aos finais de semana, e se concentram em diversos pontos da cidade, especialmente ao longo da Rua Araújo Campos, trecho da Rodovia das Estâncias entre o km 104 e km 106.

O Decreto nº 3085/2020, assinado pelo prefeito Marco Antonio de Oliveira, proíbe o estacionamento de motocicletas em diversos pontos da cidade durante o próximo fim de semana, prolongado devido ao feriado pelo Dia de Tiradentes, na próxima terça-feira (21/4).

A decisão foi tomada dentro do contexto da pandemia da Covid-19, com a finalidade de evitar estas aglomerações - que chegou a ser alvo de reclamações e denúncias por parte dos próprios moradores .

Publicado no Jornal Oficial do Município, no final da tarde de quinta-feira (16/4), o decreto prevê a proibição de estacionamento de motocicletas das 6h às 19h dos dias 18, 19, 20 e 21 de abril de 2020 em diversas ruas e avenidas na macrozona urbana.

A proibição abrange as seguintes vias em ambos os sentidos: Rua Sebastião de Oliveira Cunha, Rua Sete de Setembro, Rua São Judas Tadeu, Praça João Pessoa, Praça Fioravante Frare, Rua Pereira Cardoso, Rua Fortunato Stella, Avenida José Frare e Rua João Cilindri, e em todos os sentidos das vias e logradouros públicos que localizam-se entre as vias mencionadas, além da Rua Araújo Campos e todas as vias que com ela limitam, situados no interior do perímetro constituído pela Rua São Benedito, Rua Barão de Campinas e Rua 28 de Março.

O decreto também abrange ambos os sentidos da Rodovia Engenheiro Constâncio Cintra, também conhecida como Rodovia das Estâncias, entre o km 104 e km 106, trecho urbano do município, denominado de Rua Araújo Campos. Ainda conforme o decreto os infratores estão sujeitos às penalidades previstas no Código de Trânsito Brasileiro.

Dentre as justificativas apontadas no Decreto nº 3085, o Decreto cita a necessidade de impedir as aglomerações de pessoas no município, em razão da pandemia da Covid-19, e a obrigação da municipalidade em manter condições seguras de saúde à população.

“Os motociclistas e todos os turistas sempre foram e sempre serão muito bem vindos a nossa estância, porém neste momento estamos pedindo para que não haja aglomerações pensando na própria segurança deles e também dos nossos munícipes”, explicou o prefeito Marquinho.


Foto: Reprodução/internet